Fatores associados à baixa adesão ao exame de papanicolaou entre mulheres: revisão integrativa de literatura

Autores

DOI:

https://doi.org/10.55892/jrg.v7i14.1020

Palavras-chave:

Exame de Papanicolaou, Baixa Adesão, Mulheres, Enfermagem

Resumo

O Câncer do Colo do Útero (CCU), também chamado de câncer cervical, é uma alteração epitelial que se caracteriza por transformações celulares progressivas que podem evoluir para uma lesão que tem característica invasiva. Atualmente é um problema de saúde pública devido a exposição da sociedade a fatores de risco alimentares, comportamentais e biológicos. O exame de Papanicolaou é o principal utilizado para detectar o CCU. Porém, mesmo sendo um exame de importância destacada, muitas mulheres optam por não realizar o exame. OBJETIVO: Identificar na literatura os fatores que dificultam a adesão das mulheres ao exame de Papanicolaou. METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão integrativa de literatura, na qual a questão norteadora foi: “Quais fatores estão associados à baixa adesão das mulheres ao exame de papanicolaou? Desse modo, foi utilizado a estratégia de busca: Papanicolaou Test AND Patient Non-Compliance. As bases de dados científicas selecionadas foram: Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), Cinahl, PubMed, Scopus e Web of Science. RESULTADOS: Foram encontrados 15 artigos, sendo 12 deles publicados nos anos de  2015, 2016, 2017 e 2018 cada ano contendo 3 artigos; seguido dos anos de 2014, 2020 e 2021 com 1 artigo cada. CONCLUSÃO: Diante do exposto, evidenciou-se que apesar do exame de Papanicolaou ser um tema amplamente discutido, com importância cientificamente comprovada, a população alvo apresenta motivos para não aderir a esse exame preventivo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ítalo Cauê Ferreira Teles, Universidade Federal de Alagoas

Graduando em Enfermagem pela Universidade Federal de Alagoas

Amuzza Aylla Pereira dos Santos, Universidade Federal de Alagoas

Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal de Pernambuco. Doutor(a) e Mestre(a) em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de Alagoas.

Carla Andreia Alves de Andrade, Universidade Federal de Alagoas

Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal de Pernambuco. Mestre(a) em Enfermagem pela Universidade Federal de Pernambuco; Doutor(a) em Enfermagem pela Universidade de Pernambuco.

João Paulo malta da Silva, Centro Universitário Maurício de Nassau

Graduado em Enfermagem pela Centro Universitário Maurício de Nassau.

Waleska de Lima Santos, Centro Universitário de Maceió (UNIMA), AL, Brasil

Graduada em Enfermagem pelo Centro Universitário de Maceió.

Referências

ALWAHAIBI, N. et al. Fatores que influenciam o conhecimento e a prática em relação ao câncer cervical e ao exame de Papanicolaou entre mulheres de Omã. Asian Pacific journal of cancer prevention : APJCP v. 19,12, p. 3367-3374, dez. 2018.

AKINLOTAN, M. et al. Barreiras ao rastreamento do câncer cervical e conhecimento dos fatores de risco entre mulheres não seguradas. Journal of community health. v. 42,4, p. 770-778, 2017.

ANFFE, R.C.M. et al. Modelos para previsão das taxas de incidência e mortalidade do câncer do colo do útero. Journal health npeps. v. 7, n. 2, p. 1-21, dez. 2022.

BRASIL. Secretaria de Estado de Saúde. HPV. Minas Gerais: Secretaria de Estado de Saúde, 2023. Disponível em: https://www.saude.mg.gov.br/hpv. Acesso em: 02 jan 2024.

BRASIL. Ministério da Saúde. HPV. Brasília: Ministério da Saúde, 2021. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/assuntos/saude-de-a-a-z/h/hpv. Acesso em: 02 jan 2024.

BRASIL. Ministério da Saúde. NOTA TÉCNICA Nº 63/2023-CGICI/DPNI/SVSA/MS. Brasília: Diário Oficial da União, 2024.

BRASIL. Ministério da Saúde. HPV. Brasília: INCA, 2022. Disponível em: https://www.gov.br/inca/pt-br/acesso-a-informacao/perguntas-frequentes/hpv. Acesso em: 02 jan 2024.

BRASIL. Ministério da Saúde. Exames citopatológicos do colo do útero realizados no sus. Rio de Janeiro: INCA, 2022. Disponível em: https://www.gov.br/inca/pt-br/assuntos/gestor-e-profissional-de-saude/controle-do-cancer-do-colo-do-utero/dados-e-numeros/exames-citopatologicos-do-colo-do-utero-realizados-no-sus. Acesso em: 02 jan 2024.

BRASIL. Ministério da Saúde. Instrução normativa do calendário nacional de vacinação 2024. Brasília: Ministério da Saúde, 2024.

CARVALHO, K.F; COSTA, L.M.O; FRANÇA, R.F. A relação entre hpv e câncer de colo de útero: um panorama a partir da produção bibliográfica da área. Revista Saúde em Foco. ed. nº 11, p. 264-278, 2019.

CARDIAL, M.F.T. et al. Papilomavírus humano (HPV). in: programa vacinal para mulheres. Femina; v. 47, n. 2, p. 94-100, 2019.

CARVALHO, N. S et al. Protocolo brasileiro para infecções sexualmente transmissíveis 2020: infecção pelo Papilomavírus Humano (HPV). Epidemiol. Serv. Saúde, Brasília, v. 30, p. 1-12, 2021

CARVALHO, A.D. et al. A importância da relação entre o diagnóstico molecular e o rastreamento da infecção por HPV associado aos métodos convencionais. Braz. J. of Develop, Curitiba, v. 6, n.6, p.38283-38288, jun. 2020.

CAMARGO, A.C.M. Biologia molecular na abordagem das alterações citológicas, lesões cervicais e na presença da infecção pelo HPV de alto risco. Associação Baiana de Patologia Cervical Uterina e Colposcopia, Salvador-Bahia, p. 1-5, 2016.

DANTAS, H.L.L. et al. Como elaborar uma revisão integrativa: sistematização do método científico. Rev Recien, São Paulo, p. 334-345, 2021.

DANTAS, P.V.J. et al. Conhecimento das mulheres e fatores da não adesão acerca do exame papanicolau. Rev Enferm UFPE online, Recife, p. 684-691, 2018.

FERRARO, C.T.L. et al. Infecção oral pelo hpv e lesões epiteliais proliferativas associadas. j. bras. patol. med. lab. v. 47 n. 4, p. 451-459, ago 2011.

FELIPE, D.C. et al. A lâmina corada: a colpocitologia e a arte de curar – breve olhar. Universidade São Francisco, p. 1-20, 2021.

GUO, F.; HIRTH, J. M.; BERENSON, A. B. Effects of Cardiovascular Disease on Compliance with Cervical and Breast Cancer Screening Recommendations Among Adult Women. Journal of Women’s Health, v. 24, n. 8, p. 641–647, 1 ago. 2015.

GUYATT, G. et al. Grading strength of recommendations and quality of evidence in clinical guidelines: report from an american college of chest physicians task force. Chest; v. 129, n. 1, p. 174-181, 2006.

GAJARDO, M; URRUTIA, M.T. Crenças sobre o câncer cervicouterino e papanicolaou e sua relação com a adesão à tamizaje. rev. chil. obstet. ginecol, Santiago, v. 82, n. 6, p. 706-712, 2017.

GOMES, S.D, et al. Fatores que interferem na não adesão de mulheres ao teste de Papanicolau: revisão integrativa. REAS, Ceará, v.13, n.12.

KAMAL, M. M. George N. Papanicolaou- A tribute. Cytojournal, v. 19, 29 mar. 2022.

KAMAL, M. Pap Smear Collection and Preparation: Key Points. Cytojournal, v. 19, p. 24, 29 mar. 2022.

LUCHIARI, H.R. Novos ligantes peptídicos das oncoproteínas E6 e E7 de HPV 16: descoberta e aplicações no desenvolvimento de terapias para tumores induzidos por HPV. 2022. Tese (Doutorado em Bioquímica) - Instituto de Química, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2023.

LAI, D et al. Idade mais jovem e crenças de saúde associadas ao atraso no teste de papanicolaou entre latinas de utah que não aderiram às diretrizes de rastreamento do câncer. journal of immigrant and minority health v. 19,5, p. 1088-1099, 2017.

MARTINS, C.M; FRIDMAN, F.Z; MAGNO, V. Papilomavírus humano (HPV). In: Programa Vacinal para Mulheres. 2a ed. São Paulo: Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO); cap.4, p. 31-47, 2021.

MUGNOL, T. et al. Achados citológicos e queixas clínicas de mulheres que realizam papanicolaou. Congresso Internacional em Saúde, n. 8, 1 jul. 2021.

GONÇALVES, J.R. Como escrever um artigo de revisão de literatura. Revista JRG de Estudos Acadêmicos, v. 2, n.5 Ano II, 2019.

MIRANDA-DIAZ, C. et al. Barreiras para adesão aos testes de triagem de câncer de mama, colorretal e cervical entre pacientes hispânicos. international journal of environmental research and public health v. 13,1, p. 1-7, 2015.

MOTTE, R.T. et al. Fatores associados à adesão ao rastreio do cancro do colo do útero em frança: o inquérito edifice 6. oncologia ginecológica

volume 160, edição 1, p. 112-117, 2021.

NEUFELD, P. M. Personagem da história da saúde vi: george nicholas papanicolaou. rev. bras. an. clin. v. 51 n. 2, p. 94-97, 2019.

OMS. HPV e câncer do colo do útero. [Genebra]: OMS, 2020. Disponível em: https://www.paho.org/pt/topicos/hpv-e-cancer-do-colo-do-utero#:~:text=O%20c%C3%A2ncer%20do%20colo%20do%20%C3%BAtero%20%C3%A9%20causado%20por%20infec%C3%A7%C3%A3o,%2C%20vagina%2C%20p%C3%AAnis%20e%20orofaringe. Acesso em: 02 jan 2024.

OLIVEIRA, E.M.F. et al.. A não realização do exame papanicolaou e comportamentos de risco em mulheres com vida sexual ativa. Revista Eletrônica Acervo Saúde /Electronic Journal Collection Health, v.12 n.12, p. 1-10, 2020.

PEREIRA, H.F.C; VALADARES, M.V.S. Boletim temático da biblioteca do ministério da saúde: prevenção ao câncer do colo de útero. Brasília: Ministério da Saúde, v. 3 n. 1, 2023

PINTO, R.I. et al. Adesão à consulta puerperal: facilitadores e barreiras. PESQUISA Esc. Anna. Nery v. 25 n.2, 2021.

RYAN, J; MALINGA, T. Interventions for vaccine hesitancy. Current Opinion in Immunology, v.71, p. 89-91, 2021.

RESTIVO, V. et al. Pap Testing in a High-Income Country with Suboptimal Compliance Levels: A Survey on Acceptance Factors among Sicilian Women. international journal of environmental research and public health v. 15,9, p. 1-10, 2018.

SILVA, L.L. HPV6 e HPV11: vírus de baixo risco envolvidos na transformação maligna?. Universidade Federal do Maranhão, p. 1-64, 2023.

SILVA, M.O. et al. Fatores relacionados a não adesão ao exame citopatológico em mulheres na melhor idade: uma revisão sistemática com Metassíntese. Braz. J. of

Develop.,Curitiba, v.6, n.8, p.60925-60934, 2020

SIMÕES, L.P; JUNIOR G.Z. Vírus hpv e o desenvolvimento de câncer de colo de útero – uma revisão bibliográfica. rev. uningá, maringá, v. 56, n.1, p.98-107, 2019.

SINGH et al. Global estimates of incidence and mortality of cervical cancer in 2020: a baseline analysis of the WHO Global Cervical Cancer Elimination Initiative

lLancet Glob Health. v. 11 n.2, p.197–206, 2022.

SILVA, M.A. et al. Câncer de colo de útero em Alagoas: um estudo retrospectivo. Revista Portal: Saúde e Sociedade, [S. l.], v. 6, n. Fluxo contínuo, p. e02106010, 2021.

SELLORS, J.W; SANKARANARAYANAN, R. Colposcopia e tratamento da neoplasia intra-epitelial cervical: manual para principiantes. Capítulo 2: Introdução à neoplasia intraepitelial cervical (NIC), World Health Organization (OMS): 2024 Disponível em: https://screening.iarc.fr/colpochap.php?chap=2&lang=4. Acesso em: 02 jan 2024.

SILVA, M.A.S. et al. Fatores relacionados a não adesão à realização do exame de Papanicolaou. Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste, v. 16, n. 4, p. 532-539, 2015.

SILVA, L.M., et al. Conhecimento de mulheres sobre câncer de colo do útero: Uma revisão integrativa. Braz. J. Hea. Rev., Curitiba, v. 3, n. 4, p.7263-7275, 2020.

SILVA, L.S.R. et al. Adesão ao exame Papanicolaou por mulheres jovens em unidade básica de saúde. rev enferm ufpe online, Recife, v. 10, p. 1351-1359, 2016.

THEODORO, M.G; TIMOTEO, A.C; CAMIÁ, G.E.K. Fatores que dificultam a adesão das mulheres ao exame de papanicolaou. BIS, Bol. Inst. Saúde (Impr.), São Paulo, v. 17, n. 2 p. 166-172, 2016.

URRUTIA, M.T; GAJARDO, M. Población objetivo del tamizaje de cáncer cervicouterino en el sistema público de atención chileno y su relación con la cobertura de PAP. Implicancias en políticas de salud y asignación de recursos públicos: Factors affecting compliance with pap smear screening. rev. méd. chile, Santiago , v. 144, n. 12, p. 1553-1560, 2016.

VALENT, F. et al. Reasons for non-participation in public oncological screening programs in the Italian region Friuli Venezia Giulia. Public Health, v. 181, p. 80–85, abr. 2020.

WANG, R. et al. Human papillomavirus vaccine against cervical cancer: Opportunity and challenge. Cancer Letters, v. 471, p. 88–102, fev. 2020.

WONGWATCHARANUKUL, L. et al. Factors Affecting Cervical Cancer Screening Uptake by Hmong Hilltribe Women in Thailand. Asian Pacific Journal of Cancer Prevention, v. 15, n. 8, p. 3753–3756, 30 abr. 2014.

XILING, X. et al. Women with Visual Impairment and Insured by Medicaid or Medicare Are Less Likely to Receive Recommended Screening for Breast and Cervical Cancers. Ophthalmic Epidemiology, v. 24, n. 3, p. 168–173, 2016.

YOUSEFI, Z. et al. An Update on Human Papilloma Virus Vaccines: History, Types, Protection, and Efficacy. Frontiers in Immunology, v. 12, 2022.

Downloads

Publicado

2024-04-29

Como Citar

TELES, Ítalo C. F. .; SANTOS, A. A. P. dos; ANDRADE, C. A. A. de .; SILVA, J. P. malta da .; SANTOS, W. de L. . Fatores associados à baixa adesão ao exame de papanicolaou entre mulheres: revisão integrativa de literatura. Revista JRG de Estudos Acadêmicos , Brasil, São Paulo, v. 7, n. 14, p. e141020, 2024. DOI: 10.55892/jrg.v7i14.1020. Disponível em: http://www.revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/1020. Acesso em: 16 jun. 2024.

ARK