A influência dos indicadores de desempenho de recursos humanos na tomada de decisão: um estudo com gestores do Distrito Federal e entorno

Autores

DOI:

https://doi.org/10.55892/jrg.v7i14.1039

Palavras-chave:

Indicadores de desempenho, Indicadores de desempenho de Recursos humanos, KPI, Recursos Humanos, Tomada de Decisão

Resumo

A tomada de decisão, presente no quotidiano das pessoas, permeia os mais dinâmicos e diversos cenários, dentre eles os organizacionais. Assim, tão importante quanto a tomada de decisão estão os indicadores de desempenho, também conhecidos por KPI’s (Key Performance Indicators), fornecendo informações e demonstrando a mensuração de resultados aos negócios. Ambos os temas são explorados no estudo em questão, com investigações bibliográficas e análises estatísticas de regressão, o que permite a possibilidade de explicar a influência dos indicadores sobre a tomada de decisão. O estudo contou com a realização de uma pesquisa survey, com a participação de 432 gestores da iniciativa privada do Distrito Federal e Entorno, que forneceram informações quanto ao perfil socioeconômico, as características principais dos perfis dos tomadores de decisão e a sua interação com o tema indicadores de desempenho de recursos humanos. Mediante testes estatísticos, verificou-se que não há um modelo explicativo para o que se investigou, evidenciando que não há influência significativa quanto à utilização dos indiciadores de desempenho de recursos humanos na tomada de decisão dos gestores de organizações privadas do Distrito Federal e do Entorno. O estudo amplia possibilidades de novas agendas de investigação que busquem relações com as variáveis utilizadas e sua replicabilidade em outros cenários, além de concitar que organizações trabalhem a respectiva temática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Cesar Rodrigues Borges, Instituto de Educação Superior de Brasília

[Lattes]
Doutor em Ciência da Informação pela UnB; Engenheiro Cartógrafo pelo IME. Professor do Mestrado em Planejamento e Gestão Estratégica das Organizações do IESB. Orcid: 0000-0002-7398-7905. Lattes: http://lattes.cnpq.br/4275937790613243. E-mail: pcrborges.eng@gmail.com

Bruno de Alcântara Ramos, Instituto de Educação Superior de Brasília

[Lattes]
Mestre em Gestão Estratégica de Organizações pelo IESB; Especialista em Gestão de Pessoas pela Anhanguera Educacional. Administrador e Professor no Centro Universitário de Desenvolvimento do Centro Oeste – UNIDESC. Orcid: 0000-0002-5272-0275. Lattes: http://lattes.cnpq.br/9793158023657520. E-mail: brunoramos.bra@gmail.com

Referências

ADAM, E.E., Alternative quality improvement practices and organization performance. Journal of Operations Management, 1994. 12(1): p. 27-44.

Anuário do trabalho nos pequenos negócios: 2016. 9.ed / Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas; Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos [responsável pela elaboração da pesquisa, dos textos, tabelas, gráficos e mapas]. São Paulo- SP: DIEESE, 2018.

AVELINO, Ana Flávia Andrade; LOBLER, Mauri Leodir; FLAVIANO, Viviane. Sobrecarga de Informação no Processo Decisório: o papel da motivação epistêmica na resposta individual. Revista Adm.Made, [S.L.], v. 20, n. 3, p. 1-21, 1 jun. 2017. NPAD. http://dx.doi.org/10.21714/2237-51392016v20n3p001021

BORGES, Paulo César Rodrigues. Avaliação da similaridade semântica entre classes de entidades espaciais, representadas por uma ontologia ad-hoc (tese). Brasília : UnB, 2003.

CESAR, Ana Maria Roux V. C.. MEDIDAS DE DESEMPENHO DA ÁREA DE RECURSOS HUMANOS E SEU RELACIONAMENTO COM INDICADORES DE DESEMPENHO ECONÔMICO. Revista de Gestão, [S.L.], v. 22, n. 1, p. 97-114, 2015. Emerald. http://dx.doi.org/10.5700/rege553.

CHANDLER, A.D., Strategy and structure, 1962, MIT Press, Cambridge.

COHEN, Adam B.. Many forms of culture. American Psychologist, [S.L.], v. 64, n. 3, p. 194-204, 2009. American Psychological Association (APA). http://dx.doi.org/10.1037/a0015308.

DEMING, W. Edwards. O método Deming de Administração. 5a. Ed., São Paulo: Marques Saraiva , 1989.

EGAN, David; HAYNES, Natalie Claire. Manager perceptions of big data reliability in hotel revenue management decision making. International Journal Of Quality & Reliability Management, [S.L.], v. 36, n. 1, p. 25-39, 7 jan. 2019. Emerald. http://dx.doi.org/10.1108/ijqrm-02-2018-0056.

ETZIONI, A., Two approaches to organizational analysis: A critique and a suggestion. Administrative science quarterly, 1960. 5(2): p. 257-278.

FÁVERO, Luiz Paulo Lopes; BELFIORE, Patrícia Prado. Manual de análise de dados: estatística e modelagem multivariada com excel, SPSS e stata. [S.l: s.n.], 2017.

GALLI, Brian J.. The Future of Economic Decision Making in Project Management. Ieee Transactions On Engineering Management, [S.L.], v. 67, n. 2, p. 396-413, maio 2020. Institute of Electrical and Electronics Engineers (IEEE). http://dx.doi.org/10.1109/tem.2018.2875931.

GELFAND, M. J.; RAVER, J. L.; NISHII, L.; LESLIE, L. M.; LUN, J.; LIM, B. C.; DUAN, L.; ALMALIACH, A.; ANG, S.; ARNADOTTIR, J.. Differences Between Tight and Loose Cultures: a 33-nation study. Science, [S.L.], v. 332, n. 6033, p. 1100-1104, 26 maio 2011. American Association for the Advancement of Science (AAAS). http://dx.doi.org/10.1126/science.1197754.

GERHARDT, Tatiana Engel, SILVEIRA, Denise Tolfo. Métodos de pesquisa. Porto Alegre, Editora da UFRGS, 2009. 114 p.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002. 175 p.

KAHNEMAN, Daniel. Thinking, fast and slow. New York, NY: Farrar, Straus and Giroux, 2011.

KAPLAN, Robert. S. NORTON, David. P. A estratégia em ação: Balanced Scorecard. Rio de Janeiro - RJ, Elsevier, 1997.

KIRCHOFF, Jon F.; OMAR, Ayman; FUGATE, Brian S.. A Behavioral Theory of Sustainable Supply Chain Management Decision Making in Non-exemplar Firms. Journal Of Supply Chain Management, [S.L.], v. 52, n. 1, p. 41-65, 28 dez. 2015. Wiley. http://dx.doi.org/10.1111/jscm.12098.

LI, Jing; PIKE, Richard; HANIFFA, Roszaini. Intellectual capital disclosure and corporate governance structure in UK firms. Accounting And Business Research, [S.L.], v. 38, n. 2, p. 137-159, jan. 2008. Informa UK Limited. http://dx.doi.org/10.1080/00014788.2008.9663326.

LORSCH, J.W., Introduction to the structural design of organizations. Organizational structure and design, 1970: p. 1-16.

LUNKES, Rogério João; COSTA, Gabriel Donadio; BORTOLUZZI, Daiane Antonini; ROSA, Fabricia Silva da. Influência das características da equipe de gestão sobre a tomada de decisão de risco: evidências do ramo de restaurantes. Turismo - Visão e Ação, [S.L.], v. 21, n. 3, p. 336-350, 5 nov. 2019. Editora UNIVALI. http://dx.doi.org/10.14210/rtva.v21n3.p336-351.

MARCONI, Marna de Andrade, LAKATOS, Eva Maria. Fundamentos de metodologia científica. 5. ed. São Paulo : Atlas, 2003. 331 p.

NIELSEN, Lars Braad; MITCHELL, Falconer; NØRREKLIT, Hanne. Management accounting and decision making: two case studies of outsourcing. Accounting Forum, [S.L.], v. 39, n. 1, p. 66-82, mar. 2015. Informa UK Limited. http://dx.doi.org/10.1016/j.accfor.2014.10.005.

OLIVEIRA, Luís Martins de; HERNANDEZ José Perez Jr.; SILVA, Carlos Alberto dos Santos. Controladoria estratégica. São Paulo: Atlas, 2002.

PARNELL, John A.; CRANDALL, William ‘Rick’. The contribution of behavioral economics to crisis management decision-making. Journal Of Management & Organization, [S.L.], v. 26, n. 4, p. 585-600, 18 dez. 2017. Cambridge University Press (CUP). http://dx.doi.org/10.1017/jmo.2017.60.

PÓVOA, Angela Cristiane Santos; MAFFEZZOLLI, Maickel Robert; PECH, Wesley; SILVA, Wesley Vieira da. A Influência do Gênero no Processo Decisório: o jogo do ultimato. Revista de Administração Contemporânea, [S.L.], v. 21, n. 4, p. 481-499, jul. 2017. FapUNIFESP (SciELO). http://dx.doi.org/10.1590/1982-7849rac2017160152.

PRODANOV, Cleber Cristiano, FREITAS, Ernani Cesar de. Metodologia do Trabalho Científico: Métodos e Técnicas da Pesquisa e do Trabalho Acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo: Feevale, 2013. 276 p.

THOMPSON, J.D., Organization in Action, 1967, New York: McGraw-Hill.

Revista em Agronegócio e Meio Ambiente, [S.L.], v. 12, n. 3, p. 875-899, 5 ago. 2019. Centro Universitario de Maringa. http://dx.doi.org/10.17765/2176-9168.2019v12n3p875-899.

RICHARDSON, Roberto Jarry. Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. ed. -14. Reimpr. São Paulo: Atlas, 2012. 334 p.

RUMESER, David; EMSLEY, Margaret. Can Serious Games Improve Project Management Decision Making Under Complexity? Project Management Journal, [S.L.], v. 50, n. 1, p. 23-39, 26 nov. 2018. SAGE Publications. http://dx.doi.org/10.1177/8756972818808982.

SCOTT, S. G.; BRUCE, R. A. Decision-making style: The development and assessment of a new measure. Educational and Psychological Measurement, v. 55, p.818–831, 1995.

SEIDL, J.; BORGES-ANDRADE, J. E.; NEIVA, E. R. Rotatividade: Análise de Vinte Anos da Produção Científica Brasileira. Revista de Administração FACES Journal, v. 18, n. 2, p. 44-64, 2019.

SHAMIM, Saqib; ZENG, Jing; SHARIQ, Syed Muhammad; KHAN, Zaheer. Role of big data management in enhancing big data decision-making capability and quality among Chinese firms: a dynamic capabilities view. Information & Management, [S.L.], v. 56, n. 6, p. 1-12, set. 2019. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.im.2018.12.003.

SILVA, G. A. V.; BASQUES, P. V.; FACCO, F. C. Conectando recursos humanos e estratégia: em busca de indicadores de resultados na gestão de pessoas. Revista de Gestão, v. 13, n. 3, p. 87-100, 2006.

SIMON, Hebert Alexander. The logic of rational decision. The British Society for the Philosophy of Science. v.16, 1965, p.169-186.

TVERSKY, Amos, KAHNEMAN, Daniel. Availability: a heuristic for judging frequency and probability. Cognitive Psychology, Elsevier, 1973.

WAN, Qifeng; XU, Xuanhua; CHEN, Xiaohong; ZHUANG, Jun. A Two-Stage Optimization Model for Large-Scale Group Decision-Making in Disaster Management: minimizing group conflict and maximizing individual satisfaction. Group Decision And Negotiation, [S.L.], v. 29, n. 5, p. 901-921, 18 jul. 2020. Springer Science and Business Media LLC. http://dx.doi.org/10.1007/s10726-020-09684-0.

WOOLDRIDGE, Jeffrey M. Introdução à Econometria: Uma abordagem moderna. 4ª. ed. Tradução da edição Norte-Americana. São Paulo: Atlas, 2002. 175 p.

YATES, J. Frank; OLIVEIRA, Stephanie de. Culture and decision making. Organizational Behavior And Human Decision Processes, [S.L.], v. 136, p. 106-118, set. 2016. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.obhdp.2016.05.003.

ZAMECNIK, Roman. The Qualitative Indicatores in Human Resource Accounting. Marketing and Managemente of Innovations, Czech Republic, pp. 325-341, 2016.

Downloads

Publicado

2024-04-27

Como Citar

BORGES, P. C. R.; RAMOS, B. de A. A influência dos indicadores de desempenho de recursos humanos na tomada de decisão: um estudo com gestores do Distrito Federal e entorno. Revista JRG de Estudos Acadêmicos , Brasil, São Paulo, v. 7, n. 14, p. e141039, 2024. DOI: 10.55892/jrg.v7i14.1039. Disponível em: http://www.revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/1039. Acesso em: 22 jun. 2024.

ARK