Abordagem da musicoterapia na reabilitação social de pacientes com o transtorno do espectro autista

Autores

DOI:

https://doi.org/10.55892/jrg.v7i14.1110

Palavras-chave:

Transtorno do Espectro Autista, Musicoterapia, Reabilitação Social

Resumo

Introdução: O Transtorno do Espectro Autista (TEA) afeta aprendizagem, comunicação e interação social ao longo da vida, com prevalência global de uma em cada 160 crianças, diagnosticado pelo DSM-V. A etiologia envolve fatores genéticos, ambientais e biológicos. A música é uma ferramenta essencial na comunicação não-verbal para pessoas com TEA, facilitando conexões emocionais e interpessoais. A musicoterapia estimula habilidades cognitivas, emocionais e sociais, com benefícios na saúde física, mental e emocional, promovendo relacionamentos interpessoais e controle emocional. Estudos indicam seu papel fundamental na promoção da saúde mental e reintegração social de indivíduos com TEA. Objetivo: Investigar o impacto da musicoterapia na reabilitação social de pacientes com TEA, examinando seus efeitos na saúde mental, no desenvolvimento socioemocional e na reintegração à sociedade. Metodologia: Foi realizada com base em artigos científicos publicados nos últimos cinco anos. Identificou-se 45 artigos sobre o tema, encontrados em diferentes fontes acadêmicas, após uma análise, 37 artigos foram excluídos. No final, restaram 8 artigos que foram selecionados para a revisão sistemática. Resultados: Ressalta-se que, diante das análises dos estudos elencados, persistem desafios metodológicos e lacunas de conhecimento que exigem atenção contínua da comunidade científica. A necessidade de estudos com desenhos robustos, amostras diversificadas e medidas objetivas de eficácia permanece evidente, conforme ressaltado por diversos autores. Conclusão: Destaca-se que, embora a musicoterapia represente uma importante intervenção terapêutica para indivíduos com TEA, faz-se necessário continuar avançando no conhecimento científico e na prática clínica para otimizar seu impacto e alcance na reabilitação social desses pacientes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roldão da Mota Soares, Faculdades Integradas IESGO-Formosa-GO

Graduando em Fisioterapia pelas Faculdades Integradas IESGO.

Ronney Jorge de Souza Raimundo, Faculdades Integradas-IESGO, GO, Brasil

Graduação em Fisioterapia, Doutorado em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília.

Referências

APPLEWHITE, B. et al. Systematic Review of Scientific Studies on the Effects of Music in People with or at Risk for Autism Spectrum Disorder. Int J Environ. Res Public Health. 2022;19(9):5150. 10.3390/ijerph19095150.

BHARATHI, G.; VENUGOPAL, A.; & VELLINGIRI, B. A musicoterapia como ferramenta terapêutica na melhoria das habilidades sociais de crianças autistas. J. Egípc. Neurol., Psiquiatr. Neurocir., 55, 1-6. 2019. https://link.springer.com/article/10.1186/s41983-019-0091-x

DA SILVA SPOSITO, M.; & CUNHA, R. MUSICOTERAPIA PARA ANGEL. AUTISMO, RITMO E UM ESPAÇO-TEMPO DE SER. Brazilian Journal of Music Therapy, 2013. https://www.musicoterapia.revistademusicoterapia.mus.br/index.php/rbmt/article/view/248

DA SILVA, S. C. J. & DOS REIS MOURA, R. C. Musicoterapia e autismo em uma perspectiva comportamental. Revista Neurociências, v. 29, p. 1-27, 2021.

https://doi.org/10.34024/rnc.2021.v29.11882

DE SOUZA GAIA, B.L; & DE FREITAS, F. G. B. Atuação da fisioterapia em crianças com transtorno do espectro autista (TEA): uma revisão da literatura. Diálogos em Saúde, v. 5, n. 1, 2022.https://periodicos.iesp.edu.br/index.php/dialogosemsaude/article/view/522

DO CARMO, C. et al. Transtorno do espectro autista: uma revisão sistemática sobre aspectos nutricionais e eixo intestino-cérebro. ABCS Health Sciences. 2019;44(2). https://doi.org/10.1590/1984-0462/2020/38/2018262

FENG, H.; MAHOOR, M; & DINO, F. Uma plataforma robótica de musicoterapia para crianças com autismo: um estudo piloto. Seg. Interação Humano-Robô. 2022;9. https://doi.org/10.3389/frobt.2022.855819.

GARCIA, Flora Neves. Intervenção de musicoterapia em crianças com perturbações do espectro do autismo. 2020. Dissertação de Mestrado. http://hdl.handle.net/11067/5203

GERETSEGGER, Monika. et al. Musicoterapia para pessoas autistas. Banco de Dados Cochrane de Revisões Sistemáticas, n. 5, 2022.

GOUVEIA, L. S.; & FERREIRA, T.V. BENEFÍCIOS DA MUSICOTERAPIA ASSOCIADA AO TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO EM PACIENTES PORTADORES DE DOENÇA DE ALZHEIMER:: REVISÃO BIBLIOGRÁFICA. Revista Saúde Dos Vales, v. 2, n. 1, 2022. https://revista.unipacto.com.br/index.php/rsv/article/view/2022.

KE, Xiaohua. et al. Eficácia da musicoterapia em crianças com transtorno do espectro do autismo: uma revisão sistemática e meta-análise. Seg. Autismo. 2022;13. https://doi.org/10.3389/fpsyt.2022.905113.

MARQUEZ-GARCIA, A.V. et al. Musicoterapia no transtorno do espectro do autismo: uma revisão sistemática. Rev. J. Autismo Transt. Desenv. p. 17. 2021. https://link.springer.com/article/10.1007/s40489-021-00246-x

MAYER-BENAROUS, H. et al. Musicoterapia para crianças com transtorno do espectro autista e/ou outros transtornos do neurodesenvolvimento: uma revisão sistemática. Seg. Psiquiatria Infantil e Adolescente. 2021; 12. https://doi.org/10.3389/fpsyt.2021.643234.

MONTEIRO, M.A. et al. Transtorno do espectro autista: uma revisão sistemática sobre intervenções nutricionais. Rev Paul Pediatr. 2020;38. https://doi.org/10.1590/1984-0462/2020/38/2018262

PEREIRA, Amabilli Luiza. Contribuição da fisioterapia associada a musicoterapia no tratamento de crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA). 2023.. http://104.207.146.252:8080/xmlui/handle/123456789/592

QUINTIN, Eve-Mare. Recompensa e emoção evocadas pela música: pontos fortes relativos e resposta à intervenção de pessoas com TEA.2019;13. https://doi.org/10.3389/fncir.2019.00049.

SHIGUEMOTO, M. T. et al. A INFLUÊNCIA DA MUSICOTERAPIA NAS HABILIDADES SOCIAIS DE CRIANÇAS COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA. Centro Universitário São Camilo. Vila Suzana, São Paulo, 2022. blucher.com.br/medicalproceedings/xcomusc/04.pdf

SCHMIDT, Carlo. Autismo, educação e transdisciplinaridade. Papirus Editora; 2014.

Downloads

Publicado

2024-05-16

Como Citar

SOARES, R. da M.; RAIMUNDO, R. J. de S. Abordagem da musicoterapia na reabilitação social de pacientes com o transtorno do espectro autista. Revista JRG de Estudos Acadêmicos , Brasil, São Paulo, v. 7, n. 14, p. e141110, 2024. DOI: 10.55892/jrg.v7i14.1110. Disponível em: http://www.revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/1110. Acesso em: 22 jun. 2024.

ARK