O estudo das células no ensino médio: desafios e possibilidades

Autores

DOI:

https://doi.org/10.55892/jrg.v7i14.949

Palavras-chave:

Biologia Celular, Educação Básica, Representações

Resumo

A Biologia Celular é uma área da Biologia que possibilita conhecer a forma, a função e a localização das diferentes células que formam os seres vivos. Entretanto, quando esse estudo é abordado na educação básica, pode ser um desafio para os professores, em especial para aqueles de escolas públicas e com poucos recursos disponíveis para o processo de ensino, o que pode tornar o conteúdo abstrato. Contudo, é imprescindível que os estudantes da educação básica, sobretudo, do ensino médio, tenham conhecimentos acerca das diferentes células que formam o corpo humano, para compreender a relação das células com a reprodução humana, transplante de órgãos, doação e recebimento de sangue, bem como, com a manifestação de algumas doenças como o câncer. Por esta razão, o objetivo desse trabalho foi favorecer o conhecimento, a compreensão e a importância do estudo das células, relacionando o conteúdo ao cotidiano dos estudantes. Para o desenvolvimento deste estudo, utilizou-se o construtivismo, que insere os estudantes no processo de ensino e aprendizagem. O presente estudo foi realizado de fevereiro a abril de 2023, em duas escolas estaduais de Manaus, com estudantes do 1° ano do ensino médio. Visando favorecer uma educação construtivista e significativa para os estudantes, o trabalho consistiu nas seguintes etapas: aulas expositivas dialogadas, estudo dirigido e pesquisas, produção de um álbum de células do corpo humano, elaboração de um livreto e de representações de células com massa de modelar. As atividades foram diversificadas, de modo a garantir a reflexão e autonomia nas atividades individuais, e a cooperação e troca de ideias e articulações nas atividades em grupos, propiciando o trabalho em equipe e o desenvolvimento social dos estudantes. Os trabalhos desenvolvidos foram expostos para a comunidade escolar, de modo a promover o espírito de pertencimento, autoconfiança e troca de conhecimentos entre os estudantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diana Nunes de Oliveira, Universidade Federal do Amazonas

[Lattes]
Graduada em Ciências Biológicas; Mestra em Ensino de Ciências e Matemática pela Universidade Federal do Amazonas (PPGECIM – UFAM); Mestra em Ciências Biológicas (PPGBOT – INPA); Professora de Biologia na Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar do Amazonas (SEDUC-AM).

Anna Carla de Castro Paixão, Secretaria de Educação do Estado do Amazonas, AM, Brasil

[Lattes]
Graduada em Ciências Biológicas; Mestra em Ciências Biológicas (PPGATU – INPA); Professora de Biologia na Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar do Amazonas (SEDUC-AM).

Wellison Rafael de Oliveira Brito, Universidade Federal do Amazonas

[Lattes]
Graduado em Ciências Biológicas; Mestre em Ciências Biológicas (PPGBOT – INPA); Doutorando no Programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia (PPGCASA – UFAM); Professor de Biologia na Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar do Amazonas (SEDUC-AM).

Referências

ALBERTS, B.; BRAY, D.; HOPKIN, K.; JOHNSON, A.; LEWIS, J.; RAFF, M.; ROBERTS, K.; WALTER, P. FUNDAMENTOS DA BIOLOGIA CELULAR. 4° edição. Porto Alegre: Artmed, 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2017.

AMABIS, J. M. Moderna Plus: Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Manual do Professor. 1° edição. São Paulo: Moderna, 2020.

BRITO, W. R. O.; OLIVEIRA, D. N. Jardim Digital: uma proposta de Ensino de Educação Ambiental para o ensino médio. E-book VIII ENEBIO, VIII EREBIO-NE E II SCEB: Itinerários de resistência: pluralidade e laicidade no Ensino de Ciências e Biologia. 1ed.Campina Grande: Realize editora, 2021, v., p. 291-301. Disponível em: http://dx.doi.org/10.46943/viii.enebio.2021.01.324

BRITO, W. R. de O.; PAIXÃO, A. C. de C.; OLIVEIRA, D. N. de; SOUSA, J. F. de. Instrumentos de ensino de botânica para o ensino médio: o jardim escolar como sala de aula. Revista JRG de Estudos Acadêmicos , Brasil, São Paulo, v. 7, n. 14, p. e14935, 2024. DOI: 10.55892/jrg.v7i14.935. Disponível em: https://revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/935. Acesso em: 22 fev. 2024.

CARANI, F.R. Motivação para aprendizagem e projeto de vida de alunos da terceira série do Ensino Médio: investigando relações. Monografia de conclusão de curso. Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Campus de Botucatu, 2004.

FERREIRA, M.B.S.; DA SILVA, A.M.P.M.; FOLENA, M.L. Contribuições de um jogo didático para o processo de ensino e aprendizagem sobre organelas celulares. Artigo, In: IV Congresso Nacional de Educação, 1-15, 2017.

GLASER, V.; FIOREZE, A.C.C.L.; PIERRE, P.M.O. Curso teórico-prático de biologia celular: impactos e percepções de estudantes de uma escola de Ensino Médio em Curitibanos-sc. Revista Eletrônica de Extensão Extensio UFSC, 19 (41): 1-14, 2022.

NASCIMENTO, U. L. S.; TAVARES, C. V. F.; OLIVEIRA, M. A. ÁLBUM VIRTUAL BOTÂNICO: INVESTIGAÇÃO NO ENSINO DA BIOLOGIA A PARTIR DE AULAS PRÁTICAS NO 2°ANO DO ENSINO MÉDIO. VI CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 2019.

PAULA, L., REIS, M, RODOVALHO, A. R. S., GUIMARÃES, G. S., CAMPOS, M. R. C. Modelos em biscuit: uma ferramenta para o ensino de embriologia. Congresso nacional de ensino de ciências e formação de professores. UFG-Regional Catalão, 2017.

SILVA, H. G.; RODRIGUES, E. S. B.; CAMPOS, M. R. C. Aprendendo biologia celular por meio da construção da célula eucarionte animal. Research, Society and Development v. 10, n.15, p: 1-8, 2021.

OLIVEIRA, D. N. de. Produção e uso de energia elétrica: o preço pago pelo desenvolvimento. Revista JRG de Estudos Acadêmicos, Brasil, São Paulo, v. 6, n. 13, p. 2594–2607, 2023. DOI: 10.55892/jrg.v6i13.878. Disponível em: https://revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/878. Acesso em: 23 fev. 2024.

OLIVEIRA, D. N.; CRUZ, H. R. R.; BRITO, W. R. O. Coleções botânicas: uma importante ferramenta para a Alfabetização Científica de estudantes do ensino médio. In: Jaqueline Rabelo de Lima; Mario Cezar Amorim de Oliveira; Nilson de Souza Cardoso. (Org.). ENEBIO: itinerários de resistência - pluralidade e laicidade no Ensino de Ciências e Biologia. 21ed.Campina Grande: Editora Realize, 2021, v. 01, p. 916-924.

PAIXÃO, A. C. de C.; OLIVEIRA, D. N. de; BRITO, W. R. de O. Os quintais agroflorestais e sua contribuição para a segurança alimentar e nutricional de adolescentes do Assentamento Rural Tarumã Mirim-Manaus-AM. Revista JRG de Estudos Acadêmicos, Brasil, São Paulo, v. 7, n. 14, p. e14942, 2024. DOI: 10.55892/jrg.v7i14.942. Disponível em: https://revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/942. Acesso em: 22 fev. 2024.

POZO, J.I. Aprendizes e mestres: a nova cultura da aprendizagem. Artmed, 1-296, 2002.

Downloads

Publicado

2024-02-26

Como Citar

OLIVEIRA, D. N. de; PAIXÃO, A. C. de C.; BRITO, W. R. de O. O estudo das células no ensino médio: desafios e possibilidades. Revista JRG de Estudos Acadêmicos , Brasil, São Paulo, v. 7, n. 14, p. e14949, 2024. DOI: 10.55892/jrg.v7i14.949. Disponível em: http://www.revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/949. Acesso em: 22 jun. 2024.

ARK